Coliseu – Visita completa com Subterrâneo e Belvedere

O Coliseu é o maior anfiteatro já construído e ponto de visitação obrigatório para quem vai conhecer Roma. Localizado no centro da cidade, também é conhecido como Anfiteatro Flaviano.

A nossa visita para o Coliseu foi planejada ainda no Brasil. Não queríamos perder tempos em filas, e foi pesquisando que descobri a visita completa pelo local.

Coliseu - Linha Metro
Para chegar ao Coliseu de metrô basta pegar a linha B e descer na Estação Colosseo

Eu já possuía meio que um trauma da nossa primeira ida a Roma, onde o guia nos levou para ver apenas a parte externa, então ir do Subterrâneo ao Belvedere me pareceu uma compensação e tanto.

Ingressos para o Coliseu

Comprei no site oficial da Coopculture , e como nem todos da família entendem inglês optei pelo conjunto Colosseum, Roman Forum And Palatine Regular Entrance + Undergrounds And Level III Spanish Tour.

O valor na época foi de 29 euros por adulto e 2 euros para a Alice. Mas pelo que consultei na página para criar o post o valor agora é de 33 euros.

Coliseu - Area Externa
Esperando para entrar no Coliseu

Eu comprei cerca de um mês antes para uma viagem que seria realizada em Setembro, mas para quem vai na alta temporada – meses de julho e agosto – sugiro que comece a olhar um pouco antes se a venda de ingressos já está aberta.

Com criança é necessário imprimir o comprovante que você irá receber por e-mail para efetuar a troca dos ingressos no local, devido ao fato de eles só pagarem a taxa de reserva.

Além da visita completa ao Coliseu o ingresso incluía a visita ao Fórum e ao Monte Palatino.

Pontualidade

Não é permitida a entrada nem antes nem depois do horário agendado, então nada de atrasar para a visita do Coliseu.

Coliseu
Vale a pena ser pontual para conhecer esta construção por dentro

A entrada para a visita completa fica do lado oposto ao Fórum Romano, nós chegamos quarenta minutos antes, já que precisávamos pegar os ingressos. No mesmo local em que deveríamos entrar uma funcionária pegou o nosso voucher e depois retornou com os quatro tickets.

Depois circulamos pelo lado de fora até chegar o horário em que poderíamos entrar.

Entrando no Coliseu

Após realizar a leitura dos tickets, é necessário passar por um raio-X e seguir para o ponto de encontro, ali ficam todas as pessoas que integram o grupo, que possuía um tamanho adequado para o tipo de visita.

O nosso guia foi o Antônio Rodriguez, que falava espanhol de uma forma clara, muito fácil de entender.

Coliseu - Arquibancadas
Antônio nos explicando a história do Coliseu

Nossa primeira parada foi na que eu considerei a parte térrea do Coliseu. Em uma área com direito a arquibancada foi realizada uma explicação sobre a construção iniciada em 72 d.C. pelo imperador Flávio Vespasiano. A obra demorou 8 anos para ser construída e Tito, o novo imperador, deu o nome à arena de Anfiteatro Flaviano em homenagem ao pai.

O Colosseo como é chamado na Itália foi construído na mesma área onde ficava um antigo palácio de Nero e o seu nome provavelmente foi inspirado no Colosso de Nero, que nada mais era que uma estátua de bronze gigante que ficava ao lado da arena.

Falando em arena, ela era o palco de variados combates, onde gladiadores e diferentes animais selvagens ofereciam diversão para cerca de cinquenta mil pessoas que lotavam suas arquibancadas. Quem acabou com a brincadeira foi o imperador Flávio Honório, o que diversificou o uso do local.

As arquibancadas eram divididas em cinco setores conforme as classes sociais, que iam de professores, cavalheiros romanos, hóspedes públicos, senadores, entre outros.

Após a explicação podemos espiar o que era visível do seu subterrâneo e tirar algumas fotos antes de seguir o passeio.

Subterrâneo

Ao descer as escadarias, a primeira coisa que vemos é a porta pelo qual os gladiadores entravam, pois eles não moravam lá, e sim em outro prédio. Aliás, uma coisa que aprendemos é que as suas mortes não eram um padrão, pois eles eram valiosos para o show.

Coliseu - Porta Gladiador
Porta de acesso dos gladiadores

Entre os gladiadores houveram soldados em treinamento, escravos, criminosos e prisioneiros de guerra. Engana-se quem pensa em apenas homens, pois há o registro de mulheres como gladiadoras também. Suas armas eram lanças,espadas, tridentes e escudos.

As lutas poderiam ser entre duas pessoas ou uma caçada contra algum animal, estes muitas vezes trazidos da África. Nos filmes é muito comum eles serem representados pela figura do leão.

Coliseu - Elevador
Elevador para subir os animais até a arena

Para levar estes animais até a arena haviam elevadores de madeira onde subiam leões, tigres, hipopótamo, rinocerontes, entre outros.

Também não haviam prisões e entre os mitos e histórias é desmitificado o fato do local ser ponto constante de morte dos cristãos. As jaulas existentes eram para os animais, que dividiam espaço com material cenográfico e outros tens necessários para os eventos.

Agora o mais impressionante aqui é tentar imaginar como eles criavam todo um espetáculo grandioso organizando tudo pelos bastidores sem auxilio de tecnologia nenhuma.

Belvedere

Pense em um exercício de alto impacto para modelar as coxas. Pois então, as escadas para chegar até o alto do Coliseu irão te fazer ter consciência delas mais do que várias séries de agachamento.

Exageros a parte, os degraus das escadas são realmente altos, e em alguns pontos íngremes. Por isso pense em roupas e sapatos confortáveis para conhecê-lo. E sim, a visão vale muito a pena.

Coliseu - Belvedere
É incrível saber que foi construído a tantos anos

Quando chegamos no ponto mais alto, tivemos uma visão completa do local, neste momento a imaginação voa ao pensar naquele local lotado.

Outro item que desperta a curiosidade é a proteção retrátil que o local possuía para fornecer sombra aos expectadores que lotavam o local. Chamada de velário, eram recortes de linho colorido que corriam em anéis e podiam ser recolhidos ou estendidos conforme a exigência do momento.

Por tudo isso e mais um pouco esta foi a minha parte favorita do tour, pois é impossível não se admirar a grande obra que é a construção do Coliseu.

Virando para a área externa é possível ver o Foro Romano e o Monte Palatino, completando a visita de forma magnífica.

Coliseu - Visão Forum
Visão do Fórum e Monte Palatino

Com as últimas explicações fomos levados até a galeria intermediária, onde o guia se despediu de nós, deixando todos a vontade para circular na área do tour convencional.

Área Comum

Aqui é possível observar as marcas da Idade Média, quando o mármore e o bronze utilizado na estrutura do Coliseu foram retirados para serem utilizados pela Igreja Católica, incluindo a Basílica de São Pedro que fica no Vaticano.

É por aqui também que você irá buscar a saída e, se quiser, dar uma olhadinha na lojinha de souvenires, nós passamos por pelo menos duas.

Coliseu - Escada
Estas foram as escadas mais tranquilas

O tour em si dura em torno de 01h30, então é o tempo que você desejar ficar aqui que irá determinar o tempo total. Nós optamos em dar uma volta completa e iniciar a saída, já que esta parte é bem movimentada e já tínhamos curtido bastante.

Nossa opinião

Os adultos adoraram a visita, toda a história, a estrutura e curiosidades nos encantaram e nós super recomendamos o passeio completo. Já a Alice não curtiu muito o sobe e desce em um dia de calor, e conforme ela achou o passeio chatoooo. Mas acho que os maiores podem curtir mais a aventura.

Maiores Informações:
Endereço: Piazza del Colosseo, 1
Horário:
Segunda a Domingo das 08:30 às 19hs
Site: Coopculture
Ingressos:
Tours especiais somente pela Coopculture, para a área comum é possível comprar no local, mas sem garantia de ser para o mesmo dia na alta temporada, visto que para a preservação do local o número de visitantes é limitado.
Valores 2019
Visita regular não-guiada (Coliseu + Fórum + Monte Palatino): 16 euros
Visita regular + subterrâneo: 20 euros
Visita regular + belvedere: 20 euros
Visita regular + tour guiado subterrâneo: 27 euros
Visita regular + tour guiado belvedere: 27 euros
Visita regular + tour guiado subterrâneo + belvedere: 33 euros
Taxa de conveniência: 2 euros por ingresso
Menores de 18 anos: gratuito, é necessário pagar apenas a taxa de conveniência

Ficou curioso para saber os outros pontos que visitamos em Roma? Leia o nosso post Roteiro 3 dias em Roma.
Quer saber nossas dicas de restaurante? Leia o nosso post Gastronomia: Restaurantes em Roma.

* Ingressos pagos por nós
* Viagem realizada em Setembro/2019
* Alice estava com 6 anos e 4 meses

Planeje sua viagem em parceria com o blog clicando nos links em azul, você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a melhorá-lo cada vez mais:

  • Reserve seu hotel através da Booking.com, são milhares de opções no mundo todo com garantia dos melhores preços. Cancelamento gratuito, pagamento antecipado e confiança de uma empresa com mais de 20 anos atuando com reservas de hotéis.
  • Seguro Viagem com a Seguros Promo. As melhores empresas do mercado, cobertura em todos os continentes, para todas as idades e com os melhores preços. Digite o cupom 3GERACOESE1MALA5 ao realizar sua compra através dos links aqui do blog e ganhe 5% de desconto.
  • Alugue o seu carro com a Rentcars e parcele em reais sem pagar IOF.
  • Problemas com o seu voo ou bagagens? Entre em contato com o pessoal da Resolvvi e veja se pode ser indenizado.
  • Não quer ficar desconectado? Conheça o chip da Viaje Conectado e já inicie o seu roteiro com ele.

20 comentários em “Coliseu – Visita completa com Subterrâneo e Belvedere

  1. Esse seu post sobre o Coliseu foi bastante esclarecedor, já que estou planejando nossa primeira vez em Roma e é claro que essa atração está na lista. Já estou salvando todas as dicas, gostei da escolha de vocês e acho que vamos fazer o mesmo. Obrigada.

    Curtir

  2. Nossa, achei que a visita regular não guiada ao Coliseu seria mais cara mas é um valor razoável pela quantidade de história e pelo monumento tão famoso. Adorei as dicas e, principalmente, as fotos com sua filha fazendo pose!

    Curtir

  3. Nossa, já fui pra Itália, mas não visitei Roma (me concentrei no norte do país só). Mas conhecer Roma é uma sonho antigo e faço questão de conhecer tuuudo do Coliseu – nada de só ver por fora não rs. Adoooro tours guiados assim para não perder nenhum detalhe e acho q é o dinheiro mais bem investido em uma viagem (além da comida rs)!

    Curtir

  4. boa tarde. eu vi no site a dica que vc deu da visita guiada.. ao comprar esse de 33,00 automaticamente já temos o guia, certo? pq eu vi que a arena só entra com guia… esse guia q diz aqui é deles?

    Curtir

    1. Olá, Carla.
      O passeio completo no site oficial já contempla o guia, na hora de comprar você precisar clicar no link da língua de sua preferência (inglês, italiano ou espanhol), e sim, para ir do subsolo ao belvedere só com o guia, já que o número de pessoas é limitado para a preservação.

      Obrigada pela visita!

      Curtir

      1. desculpa te amolar outra vez… pra Alice vc pagou a taxa do tour? o filho dos meus amigos tem 14 anos e no site tem a opção entrada livre mais tour ou entrar e tour livres… nao sei o q escolher e tenho medo de comprar errado e perder

        Curtir

      2. Olá, Carla.

        Para a Alice eu só paguei o valor da taxa de reserva (2 euros na época), mas ela se enquadra nos menores de 12 anos.

        No site eles diferenciam:
        Free entrance + guided tour € 15,00
        Free entrance tiket + free guided tour for under 12 years old

        Como ele tem 14 anos ele não paga a entrada, mas irá pagar o tour guiado.

        Espero ter ajudado.

        Abraços

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s